Início?

Olá queridos leitores (é assim que se começa um blog?)

Bom, eu não tenho ideia de como começar esta postagem, sendo assim, acho melhor iniciar falando um pouco de como, e porque decidi escrever na internet.

Mas antes, gostaria de avisa logo de início, que se você é daquelas pessoas que não entende sarcasmo ou se ofende por qualquer coisa, acho que não vai se sentir confortável aqui, então, prossiga por sua conta e risco (depois não diga que não avisei!)

Há algum tempo eu li o texto do publicitário Ícaro de Carvalho, onde o mesmo fala um pouco sobre o que está acontecendo com a geração atual e onde foi parar a antiga. Foi inspirado por este texto e pelo podcast Café Brasil, que decidi começar a escrever um pouco sobre minhas ideias e opiniões a respeito da vida, do universo e tudo mais… (isso mesmo, sou só mais um humano hipócrita que decidiu cuspir a sua opinião de merda na internet.) Mas, porque não?

Na verdade, não tenho a intenção de transformar este blog em mais um canal de opiniões políticas e saudosistas, mas por outro lado, meu desejo é escrever sobre todas as coisas que despertam o meu interesse, e política é uma delas. Na verdade, não é que eu GOSTE de política, acho que gosto muito mais dos conflitos de opiniões causados pela mesma. (não me venha com a desculpa de que política e religião não se discute, é por isso que nossa sociedade está nessa situação de merda.)

Sou um cara que cresceu na década de 90 e consumiu bastante a cultura pop da época. Nunca fui muito de ver futebol e jogar bola na rua, minha infância foi repleta de vários desenhos feitos a mão e muitos gibis do Tio Patinhas, passava a maior parte do tempo desenhando ou lendo alguma coisa e acho que isso influenciou diretamente na construção no que eu sou hoje. (Não que eu seja lá grandes coisas, mas…) Lembro que por várias vezes, quando pequeno, minha mãe me comprava um gibi ou livro novo e aquilo pra mim tinha o mesmo valor que um brinquedo raro.

Eu adorava as estórias do Tio Patinhas.

Os jogos de video-games e os desenhos que passavam na TV aberta da época, também ajudaram a construir meu caráter. Jogos de árcade como: Capitão Comando, Cadillac Dinossauro, STG e tantos outros tomaram boa parte dos meus dias nos anos 90. Assim como os programas: TV Cruj, TV Colosso e os desenhos da extinta Rede Manchete.

Mas, não pretendo ficar aqui falando de mim, principalmente na introdução do blog. Quem sabe em uma outra oportunidade?!

Com isso, é provável que você encontre alguns textos falando um pouco sobre a cena política atual, mas pretendo escrever também resenhas de livros ou HQ`s que leio ou até de filmes e séries que acompanho. A ideia é ser o mais espontâneo possível, sem a pressão de ter que falar sobre um determinado assunto só porque ele está sendo comentado na mídia.

Então, acho que é só isso.

Há, e não espere uma periodicidade aqui no blog (até porque eu escrevo nos pequenos intervalos do trabalho, então, já viu né?)

Acho que agora sim, terminei.

Seja bem vindo e sinta-se a vontade para comentar e deixar sua opinião.

Até breve!
Anúncios